fbpx

Duas vezes R$ 1 bilhão

Pelo segundo mês consecutivo, a WIT Exchange, unidade da WIT que é especialista em transferências internacionais e comercialização de moedas estrangeiras, transacionou mais de 1 bilhão de reais. Só em março, primeiro mês em que este recorde foi batido, foram mais de 2.700 transações que resultaram no desempenho histórico de R$ 1,25 bilhão em operações de câmbio e remessas internacionais. Em abril, todo o volume resultou em R$ 1,390 bilhões. Se considerado o valor de todo o ano até agora, são mais de R$ 4 bilhões comercializados. Veja como foi o crescimento mensal desde o início de 2022:

Informações do segundo bilhão da WIT

Para o head de serviços financeiros da WIT, Marcos Almeida, alguns fatores foram determinantes para este sucesso.
“Um deles é a independência da holding, que conta com informação plural do mercado nacional e internacional, relacionamento sólido com bancos e corretoras de câmbios, e agilidade para identificar a instituição que consegue fazer a transação de maneira mais rápida e com menor custo”, comentou.
Se fosse uma instituição bancária tradicional, o desempenho apenas no primeiro bimestre da WIT Exchange a posicionaria entre as principais operadoras de câmbio do ranking brasileiro.

Outro fator que ilustra o sucesso da WIT Exchange é o Monitor Exchange, uma ferramenta que indica histórico e número de compras de moedas em tempo real. Durante o mês de abril, esse indicador registrou crescimento de 150%.

“A WIT segue fomentando tecnologicamente a plataforma de câmbio on-line da Exchange, oferecendo aos seus clientes toda estrutura de remessas internacionais para pessoas físicas e a compra de moedas para turismo”, comentou o gestor.

Essa unidade atende mais de 1500 empresas e mais de 140 mil clientes pessoas físicas. Além disso, a equipe feminina colabora muito para o sucesso desta organização. “Temos um equilíbrio de praticamente um para um entre mulheres e homens que formam nosso time!”, apontou Almeida.

Novo endereço em São Paulo
Firmando o sucesso da unidade e da WIT como um todo, o novo endereço do grupo na capital foi inaugurado em abril. “Estar na cidade de São Paulo fortalece a presença física das atividades que até então eram virtuais. O grupo criou uma musculatura ao ponto que grandes empresas listadas na bolsa contratam serviços financeiros e de câmbio conosco”, acrescenta Almeida.
Esse crescimento está ligado à expansão das operações e na oferta de novos serviços na capital, como o de Trade Finance (ACC, ACE, NCE, Finimp e carta de crédito) e outras estruturas de créditos para fomentar as empresas e indústrias que precisam de ferramentas para a evolução de seus negócios no exterior.

Quem somos

Normas
Junte-se a nós
Linkedin
Instagram
Facebook
Whatsapp
Youtube
Twitter